Diagnosticando a bursite

Os médicos usam uma variedade de métodos para diagnosticar bursite. Na primeira consulta, o médico geralmente pede uma história de sintomas, seu início e quais atividades iniciam a dor. Quaisquer outros problemas médicos serão discutidos e considerados também durante o diagnóstico. Às vezes, os médicos removem algum líquido sinovial da articulação para verificar a infecção. Freqüentemente o cotovelo e o joelho são infectados, por isso é importante verificar o líquido. O exame de sangue também é importante para descartar outras doenças, infecções ou similares. Em algumas situações, os raios X também são usados para descartar outros problemas, mas esse não é o primeiro método de diagnóstico da bursite. 

 

Conheça Agora Unimed João Pessoa

Tratamento da bursite 

O tratamento frequente prescrito pelos médicos para bursite é o PRICEM. Isso significa proteção, descanso, gelo, compressão, elevação e medicação. Nas situações em que esse método não funciona e a bursite não é infecciosa, o corticosteroide é injetado na articulação afetada para reduzir a inflamação. Essas injeções podem causar complicações. Como resultado, o corticosteróide pode ser