Um resumo sobre BCAA

Veja o que o nutricionista esportiva tem a falar sobre os BCAAs:

Vou falar brevemente Sobre BCAAs

O BCAA é composto pelos três aminoácidos essenciais – leucina, isoleucina e valina. Seu corpo precisa de tudo isso, mas não pode produzir nenhum deles e, portanto, deve ser consumido por meio de dieta ou suplemento.

A especialidade do BCAA não reside simplesmente em sua estrutura, mas dentro da família de aminoácidos essenciais, eles próprios representam pelo menos um terço dos aminoácidos encontrados no tecido muscular magro.

Alimentos ricos em proteínas, como carne, laticínios e ovos, fornecem uma quantidade razoável de BCAA. Alguns alimentos à base de plantas como arroz integral, quinoa, grão de bico, trigo integral, amendoim, castanha do Brasil e amêndoas contêm BCAAs, mas não tanto quanto carne ou laticínios.

BCAAs são únicos!

Os BCAAs são diferentes no contexto da nutrição esportiva por uma razão que, ao contrário da maioria dos outros aminoácidos, eles são metabolizados principalmente no próprio músculo, em vez de serem degradados pelo fígado.
O início mais rápido da ação o torna benéfico para atletas, indivíduos envolvidos em um alto volume de exercícios prolongados, aqueles em dietas restritivas que podem não obter o suficiente com alimentos integrais.

Além disso, os suplementos de BCAA enfatizam a liberação dos três aminoácidos (que estão em forma livre) da maneira mais rápida e eficiente possível, maximizando potencialmente o impacto anabólico. Isso o distingue dos pós protéicos comuns, que fornecem vários aminoácidos de uma só vez, alguns dos quais são usados ​​para aumentar a massa muscular, outros não.

Bcaa para que serve?